Homenagem ao dia da Mulher

“VÊS ESTA MULHER?”

“Vês esta mulher?” Assim perguntou Jesus a respeito de uma mulher que, sem medo do que pensariam os outros, resolveu mudar sua história, o rumo de sua vida. “Vês esta mulher?” Assim pergunta a história, testemunha da vida de tantas mulheres que, muitas vezes no silêncio da luta anônima, foram desbravando fronteiras, derrubando muros de preconceito, criando significados para suas próprias existências. “Vês esta mulher?” Esta mulher que tem o mundo como pátria, que se infiltra onde a vida é  ameaçada e dolorosa, onde não há direitos nem leis, só discursos e hipocrisias. Esta mulher que se esconde para que a paz apareça, para que seu ideal não morra, para que sua luta não seja em vão. “Vês esta mulher?” Esta mulher que sobe nos palanques, que mostra seu rosto nas organizações internacionais, que defende a justiça, que enfrenta insensatos costumes milenares, que se lança na educação, que se envolve nas ciências, que não mais se cala por medo. “Vês esta mulher?” Esta mulher que não se furta aos desafios, que não esmorece diante dos problemas, que cria atalhos para sobreviver, que justifica a vida dos outros, que é um regaço de ternura, mas um uma fortaleza corajosa e firme. “Vês esta mulher?” Esta mulher não tem um nome só, pois elas são muitas, mas quando se trata da vida,  todas as crianças do mundo são seus filhos, e todos os homens do mundo são seus irmãos e companheiros, e todos os idosos são seus pais e avós. Quando se trata da vida, todas as mulheres têm um só coração. E se assim não for, que assim seja.  

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

O dia 8 de Março é, desde 1975, comemorado pelas Nações Unidas como Dia Internacional da Mulher . Neste dia, do ano de 1857, as operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve ocupando a fábrica, para reivindicarem a redução de um horário de mais de 16 horas por dia para 10 horas. Estas operárias, que recebiam menos de um terço do salário dos homens, foram fechadas na fábrica onde, entretanto, se declarara um incêndio, e cerca de 130 mulheres morreram queimadas. Em 1903, profissionais liberais norte-americanas criaram a Womens Trade Union League. Esta associação tinha como principal objetivo ajudar todas as trabalhadoras a exigirem melhores condições de trabalho. Em 1908, mais de 14 mil mulheres marcharam nas ruas de Nova Iorque: reivindicaram o mesmo que as operárias no ano de 1857, bem como o direito de voto. Caminhavam com o slogan "Pão e Rosas", em que o pão simbolizava a estabilidade econômica e as rosas uma melhor qualidade de vida. Em 1910, numa conferência internacional de mulheres realizada na Dinamarca, foi decidido, em homenagem àquelas mulheres, comemorar o 8 de Março como "Dia Internacional da Mulher.

Postar Comentário

CAPTCHA security code