Dom Pedro Cipolini instala duas novas paróquias em Mogi Mirim

Josi Mara Nolli   O Bispo Diocesano de Amparo, Dom Pedro Carlos Cipolini, confirmou, dia 15 de junho, em entrevista a imprensa da cidade, a criação de outras duas paróquias em Mogi Mirim - ‘Santa Ana e São Joaquim’, no Jd. Primavera II e ‘São Pedro Apóstolo’, no bairro Maria Bonatti Bordignon. Mogi Mirim está entre os 11 municípios que integram a Diocese de Amparo – SP. Segundo Dom Pedro, desde que assumiu o pastoreio da Diocese, há sete meses, constatou a necessidade de se criar outras paróquias em Mogi. O Bispo destaca, entre outros fatores importantes para a criação, a proximidade geográfica, o melhor atendimento à comunidade católica e a autonomia, como paróquia, em realizar trabalhos pastorais nos territórios definidos. “Faz muita diferença ter um padre no bairro, mais próximo. Uma região que tenha uma paróquia tem autonomia para melhor articular o trabalho” explica Dom Pedro. Com visão ampla de um futuro promissor para toda a Diocese, Dom Pedro, deixou claro que as mudanças são para o crescimento das paróquias que, segundo ele, são a base da Igreja, em comunhão com o povo de Deus. “O objetivo primeiro, é oferecer melhor atendimento aos paroquianos”, enfatiza.     SANT’ANA E SÃO JOAQUIM Segundo o decreto de criação, assinado pelo Bispo, dia 13 de junho, a extensão geográfica da nova paróquia inicia-se na rodovia SP-340, na divida com Mogi Guaçu, perfazendo a divisa de Mogi Mirim até a rodovia Dep. Nadib Chaib, em direção ao Centro, até o Cortume Alvorada, pegando a Av. Adib Chaib, até a rua dos Imigrantes; percorrendo a rua Catarino Marangoni até a rua 24 de Maio e, desta, até a Av. Pedro Botesi (contornando a praça esportiva Ver. Ocílio Rotolli) até a Av. Juscelino Kubitschek, em linha reta até a rod. SP 340, englobando também as Chácaras São Marcelo. Integram a nova paróquia, oito comunidades desmembradas da paróquia São José, no Centro – São Joaquim e Sant’Ana, no Jd. Primavera, onde será a matriz; São Judas Tadeu, no Santa Luzia; Comunidade Santa Clara, no bairro Santa Clara; Providência de Maria, no Flamboyant; Coração de Jesus, no Pq. do Estado II; São Francisco de Assis, no Paulista; Santa Luzia, no bairro Santa Luzia e São Marcelo, nas Chác. São Marcelo. A paróquia de Sant’Ana e São Joaquim será instalada, oficialmente, dia 24 de julho de 2011, em cerimônia solene presidida por Dom Pedro Carlos, às 16h, na nova matriz situada à Rua Francisco Antônio Gonçalves, 369, Jd. Primavera II. Assume os trabalhos como pároco o Pe. Sidnei Wilson Basaglia. Pe. Sidnei é natural de Guarulhos – SP, tem oito anos de sacerdócio, sete deles trabalhados na paróquia de Santo Antônio, em Santo Antônio de Posse. Dentro da diocese, Pe. Sidnei trabalhou também nas cidades de Jaguariúna e Holambra. Foi ordenado presbítero em 15 de fevereiro de 2003. Tem 35 anos. “Nasci no dia de São José e agora vou assumir uma paróquia que nasceu do trabalho realizado pela paróquia São José”, associa. Pe. Sidnei destaca ainda que a paróquia é como uma família. “O padre é um instrumento de Deus que é Pai”, explica. O Bispo esclarece que, com a divisão, a paróquia São José, no Centro, continua atendendo as comunidades da região central e a comunidade São Lázaro, no Tucura.   SÃO PEDRO APÓSTOLO Assume a paróquia de São Pedro Apóstolo, no Maria Bonatti Bordignon, o Padre Sílvio Joaquim Faria. Pe. Sílvio tem 44 anos e é natural de São Bento de Caldas, distrito de Santa Rita de Caldas – MG. Foi ordenado sacerdote em 06 de dezembro de 2008, na Diocese de Juiz de Fora – MG. Aceita o convite de Dom Pedro para assumir a nova paróquia e vê nesse desafio uma oportunidade de anunciar a Palavra de Deus. “Procuramos ser pastor e exemplo. O padre é um fiel de Deus”, reflete. O novo pároco conta ainda com o ânimo e o apoio das comunidades para a realização dos trabalhos na nova paróquia. “Junto com as comunidades buscar a unidade e a perseverança para crescermos juntos e futuramente poder olhar para trás e dizer que construímos tudo isso pela força da união”, exclama. O padre que, está na cidade há algumas semanas, já conhece toda a extensão territorial da paróquia São Pedro Apóstolo. Segundo o decreto encaminhado pela cúria diocesana, a nova paróquia se desmembra da paróquia de São Benedito, no Centro, e tem sua sede à rua Felício Antônio di Próspero, 501. Territorialmente inicia-se na rodovia SP-340, perto da rodoviária da cidade, seguindo o traçado da rodovia SP-147, passa pelo Horto Florestal até a divisa do município de Itapira e, deste ponto, até a divisa de Santo Antônio de Posse; à direita (seguindo o município de Posse) até a rodovia SP-340 passando pelo rio Pirapitingui, percorrendo a rodovia SP-340 até o ponto inicial. Integram esta nova paróquia as comunidades São Pedro e Santa Isabel, instituída a matriz, no Jd. Maria Beatriz; Nossa Senhora Aparecida e Santa Cruz, em Martim Francisco; São João Batista, na Chác. Sol Nascente; São Francisco, na Chác. São Francisco; Menino Jesus de Praga, no Planalto; Coração de Jesus, na Chác. Das Uvas e Nossa Senhora Aparecida, no Cavenaghi. A Data oficial da instituição da Paróquia está marcada para o dia 07 de agosto às 15:30hs. A paróquia de São Benedito atualmente é administrada pelos frades franciscanos da Terceira Ordem Regular e, antes da divisão, era composta por 13 comunidades. Dom Pedro ressalta que, mesmo com a divisão, os frades ainda atendem outras cinco comunidades. Segundo o Bispo, mais um motivo para se criar novas estruturas de atendimento. (Fonte: Jornal A COMARCA – Mogi Mirim – SP)

Postar Comentário

CAPTCHA security code