Evangelho - JO 12,44-50

Naquele tempo, 44Jesus exclamou em alta voz: “Quem crê em mim não é em mim que crê, mas naquele que me enviou. 45Quem me vê, vê aquele que me enviou. 46Eu vim ao mundo como luz, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas.

47Se alguém ouvir as minhas palavras e não as observar, eu não o julgo, porque eu não vim para julgar o mundo, mas para salvá-lo. 48Quem me rejeita e não aceita as minhas palavras já tem o seu juiz: a palavra que eu falei o julgará no último dia. 49Porque eu não falei por mim mesmo, mas o Pai, que me enviou, ele é quem me ordenou o que eu devia dizer e falar. 50Eu sei que o seu mandamento é vida eterna. Portanto, o que eu digo, eu o digo conforme o Pai me falou”. — Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

 

Comentário

É impossível diante da Palavra de Cristo não tomarmos nenhuma posição. Ou estamos a seu lado ou contra ela. Não é possível ficar indiferente. “Eu vim ao mundo como luz, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas”, diz-nos Jesus. A Palavra do Senhor nos faz compreender nossa história pessoal e a do mundo. Ela é a luz que não nos deixa desviar do caminho da vida e da salvação. A Palavra será sempre a novidade de Deus em nossa vida.

Oração

Ó Deus, vida dos que creem em vós, glória dos humildes, e felicidade dos justos, atendei com bondade às nossas preces, e saciai sempre com vossa plenitude os que anseiam pelas riquezas que prometestes. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.

Fonte: http://www.santuarioaparecida.com.br/santuario-nacional/santuario-virtual/liturgia-diaria/15/05/2019

Postar Comentário

CAPTCHA security code