Santo do dia - São Luis de Tolosa, bispo da Ordem I

São Luís nasceu perto de Marselha, França, em 1274. Era filho de Carlos II, rei da Sicília, e de Maria, filha do rei da Hungria. Sobrinho de São Luís da França. Em 1288, São Luís foi dado como refém, no lugar de seu pai. Ficou 7 anos prisioneiro em Barcelona. Ele dizia: A adversidade é mais proveitosa aos amigos de Deus do que a prosperidade. Ficamos submissos a Deus quando a adversidade nos aflige. A prosperidade eleva a alma e faz que não pensemos em Deus, nem o respeitemos. A fortuna, como médico ignorante, torna cegos os que dominam e insensato aquele a quem muito favorece. É, portanto, infeliz, quem não experimenta nenhuma aflição, desconhecido a si mesmo, como não tendo jamais sido exposto à provação, ou então rejeitado por Deus, como muito fraco para o combate. É preciso, portanto, alguma adversidade para provar o homem. (Apud Padre Rohrbacher, op. cit., Vol. XV, p. 46). São Luís abandonou tudo e, numa viagem a Roma, foi ordenado subdiácono e em Nápoles foi ordenado sacerdote. Em 1296, foi eleito bispo de Tolosa, por Bonifácio VIII. Antes de assumir o bispado, quis tornar-se franciscano. Levou uma vida de pobreza e de caridade para com os pobres e necessitados. Morreu aos 23 anos, em 1297. Virtudes conquistadas por São Luís: pobreza, humildade e amor pelos pobres. OraçãoPrece do Anúncio da Vida. Nós vos adoramos, ó Jesus Cristo, e vos bendizemos, porque por vossa santa cruz remistes o mundo. Senhor, não vos recordeis dos pecados de minha juventude e de minhas ignorâncias. O Anjo do Senhor anunciou a Maria. E ela concebeu do Espírito Santo. Eis aqui a serva do Senhor. Faça-se em mim, segundo a vossa palavra. E o verbo divino se fez homem. E habitou entre nós. Rogai por nós, Santa Mãe de Deus. Para que sejamos dignos das promessas de Cristo. Fonte: http://www.fatima.com.br/santos

Postar Comentário

CAPTCHA security code