Santo do dia - Sta Maria Franciscana das Cinco Chagas, virgem, da Ordem III

Ana Maria nasceu em Nápoles no dia 25 de março de 1715, filha de Francisco Gallo e Bárbara Basini, comerciantes. Alguns meses antes de seu nascimento preveram sua santidade São Francisco de Jerônimo e São João José da Cruz. Ainda menina, manifestou o desejo de receber a Eucaristia, que aconteceu com 7 anos.

Mostrou tanta piedade e prática de virtudes, que foi chamada de "Santita" (Santinha). Decidida a consagrar-se a Deus, apesar da oposição de seu pai, que lhe oferecia um vantajoso matrimônio, tornou-se terceira franciscana seguindo a Regra e a orientação dos frades menores, que tinham o convento de Santa Lucia do Monte em São João José da Cruz.

Com apenas 16 anos, delicada e pálida devido às penitências voluntárias, tomou o hábito franciscano no dia 8 de setembro de 1731; professou os três votos de castidade, pobreza e obediência e passou a se chamar Maria Francisca das 5 Chagas de N.S.J.C. Embora permanecesse no mundo, viveu na mais perfeita observância da severa Regra Franciscana, submetendo seu corpo, e já cansado por um contínuo trabalho, a flagelações, vigílias e cilícios.

Êxtases, arroubamentos, profecias lhe eram familiares. Vivia já das coisas sobrenaturais, incompreendida, perseguida, tratada como visionária foi submetida a exames por parte das autoridades eclesiásticas. Em 7 anos de duro martírio suportou tudo com inalterada mansidão.

Assistida por muitos religiosos fiéis, fortalecida pela Eucaristia, morreu serenamente no seu quarto no dia 6 de outubro de 1791, aos 76 anos. Seu corpo foi sepultado na igreja de Santa Lucia do Monte, onde é venerada ao lado do túmulo de São João José da Cruz.

Do livro "Santos Franciscanos para cada dia", da OFM

Fonte: http://www.fatima.com.br/santos/2018-10-06

Postar Comentário

CAPTCHA security code